Koenigsegg: um dos carros mais caros do mundo


O engenheiro sueco Christian von Koenigsegg nunca pensou pequeno. Em 1994, ele colocou toda sua devoção infantil por carros velozes na construção do primeiro superesportivo que leva o seus imponentes sobrenome e brasão de armas familiar. O Competition Coupé 8S mostrou ao que veio: o bólido atingia 390 Km/h.

Após diversos protótipos que causaram sensação, como o Koenigsegg CC, mostrado com pompa e circunstância no Festival de Cannes de 1997, Koenigsegg decidiu fabricar seus superesportivos com a regularidade de uma linha de montagem mas sem a massificação comum a ela e comprou uma grande instalação da Força Aérea da Suécia no na cidade de Ängelholm. Lá instalado, a Koenigsegg começou a mostrar suas garras feitas de aço, fibra de carbono, alumínio e cromo-molibdênio.

Perfeccionismo é a marca de um Koenigsegg. Tanto que o primeiro modelo que deixou os delírios das pranchetas de protótipo para as ruas só foi lançado em 2002: o Koenigsegg CC8S, um petardo com 665 cavalos de potência e que chega os 100 Km/h em 2,9 segundos. Isso mesmo. Só para comparar, a Ferrari 612 chega à mesma velocidade em 4 segundos, uma eternidade em uma competição.

Em 2006, é lançado o Koenigsegg CCX. Ainda mais veloz e agressivo, o supercarro tirou do pódio marcas e modelos conceituados e velozes como Ferrari, Maserati e Lambroghini, em um teste de potência feito por um prestigiado programa sobre carros na Inglaterra. Os suecos provaram que realmente dominam os segredos da velocidade.

Em sintonia com os novos tempos de sustentabilidade, no ano seguinte é apresentado o Koenigsegg CCXR, o primeiro superesportivo bicombustível do mundo. Nem mesmo o etanol foi capaz de arrefecer sua potência; o bólido pode alcançar 390 Km/h sem esforço.

Recentemente, mais um petardo sueco foi lançado oficialmente: o Koenigsegg Agera R. Mais um bicombustível que não perde o gosto pela velocidade, com 1100 cavalos de potência usando etanol. O carro chega aos 100 quilômetros por hora em 2,9 segundos e nem assim é beberrão: faz respeitáveis 14,7 Km/l aos 100 Km/h.

Quer saber o preço médio de um Koenigsegg? Não conte com seu cofrinho, a não ser que você seja um magnata: o Koenigsegg CCXR está estimado em R$ 6 milhões. Com essa grana toda é possível comprar uma frota de 200 VW Gol. Mas creio que quem quer comprar um Koenigsegg não liga muito para estes detalhes financeiros…

Adicionar um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *